Eventos

Entrada Artigos Naturopatia Ambiente e Petróleo
Ambiente e Petróleo Versão para impressão Enviar por E-mail
Medicinas Não Convencionais - Naturopatia
Escrito por Carlos Ventura   
Terça, 13 Maio 2008 16:58

in revista Natural Beija-Flor

2004 outubro

 Menos

Os defeitos do bom ambiente

          Apenas chegado ao seu cargo, o novo ministro do Ambiente Nobre Guedes foi confrontado com o acidente na refinaria da Galp em Matosinhos, que foi grave mas que poderia ter sido trágico. Como era inevitável, foi instaurado um inquérito e como é habitual todos esperámos que esse inquérito não desse em nada. Mas, exemplarmente, o inquérito foi célere e preciso, apontando as responsabilidades à empresa, que à altura do acidente era presidida pelo ministro das Obras Públicas deste mesmo governo... Até aqui tudo (espantosamente) bem. A partir daqui tudo (escandalosamente) mal. Em primeiro lugar e como "prémio" pela clareza do inquérito, foram retiradas a Nobre Guedes parte das suas competências. A mensagem é clara: inquéritos sim mas desde que não ponham em causa quem não convém, quer dizer, inquéritos sim mas desde que não sirvam para nada, mesmo que os erros persistam. E o Expresso citava uma fonte governamental contra Guedes: "Nobre Guedes quer ser um Carlos Pimenta do século XX". Compreende-se. Carlos Pimenta marcou uma época como governante, deputado e eurodeputado e o seu fantasma ainda assusta...

Petróleo a subir

          O preço do petróleo continua a subir (25% no último ano!) e não há esperanças de que, de forma consistente, a tendência se inverta. A China, esse gigante que se anuncia como a próxima potência da indústria e do consumo, aumentou no último ano o seu consumo de petróleo em 35%! Os nossos hábitos de má utilização de energia são endémicos mas é bom sublinhar que o grande gasto continua a ser nos transportes, que consomem 90% do petróleo a nível mundial. A BP (fala quem sabe...) diz que as reservas não duram mais do que 40 anos. Então porque é que Portugal não investe finalmente a sério nas energias renováveis/alternativas, nomeadamente nas duas para as quais tem condições excepcionais: a eólica e a solar?

atualizado em Segunda, 02 Junho 2008 13:47
 

Subscreva Newsletter

Medicinas Não Convencionais


Receber em HTML?